domingo, 2 de janeiro de 2011

ALÉM DO INFINITO

Colhendo flores brancas em algum lugar
Contando a brisa da chuva e descobrindo os segredos do mar
A energia cósmica a nos proteger
Vidas que nasceram, a renascer...
No cosmo imenso porém, a lei é aqui
Nas frases ocultas dos mestres, me descobri.
Descoberta dos místicos, atentos a uma nova era
Fusos horários em torno da mãe terra.

Estou além do infinito, vejo além da visão
Estou longe do real e perto da imaginação.

Colhendo flores brancas em algum lugar
Remando contra a maré e desvendando os segredos do mar
A energia cósmica a nos proteger
O céu é o limite, limitado a você...
No cosmo imenso porém, aqui é a lei
Nos confins do universo, me encontrei
Encontros nos contos de fada, no arco-íris sem cor
Não queremos guerras...
Apenas paz, paz e amor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário